quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Assista um pouco sobre o Gás Natural!

video
Postado Por:

Bruna Ribeiro, Verena, Tamile, Erimindo e Vanessa Moreira

UM POUCO MAIS SOBRE A CHEGADA DO GÁS ATÉ NÓS

POSTADO POR BRUNA RIBEIRO

RESERVAS BRASILEIRAS DE GÁS NATURAL

POSTADO POR TAMILE

A reavaliação das reservas de gás feita em 1998 e a ausência de novas descobertas de médio e grande porte, levaram as reservas totais de GN a atingir a marca de 409,8 bilhões de m3, com o decréscimo de 5,9% em relação ao volume de 97.
Desse total, 225,9 bilhões de m3 (55,1%) referem-se ao volume provado e 183,9 bilhões de m3 (44,9%) à soma das reservas prováveis e possíveis. Com volume de 26,5 bilhões de m3, o campo de Leste de Urucu(AM) lidera a lista dos 20 campos com maiores reservas provadas de gás, onde se concentram 76,9% do volume total. Em seguida, vem o campo de Marlim(Bacia de Campos), que tem 23,7 bilhões m3 de gás.
Mais de 50% das reservas totais de gás, ou seja, 205,8 bilhões de m3, estão localizadas na Bacia de Campos e o restante, 49,8%, distribuído nas demais unidades operativas da Petrobras. A maior parte das reservas totais de gás está localizada no offshore, onde se concentram 252,6 bilhões de m3. Grande parte das reservas está localizada em lâmina d'água superior a 1.000 m. 

RESERVAS DE GÁS NATURAL POR REGIÃO DE PRODUÇÃO ( BILHÕES DE M3)
 

Fonte de Energia

POSTADO POR VANESSA

O gás natural encontrado em jazidas normalmente está associado ao petróleo. Constitui reservas finitas, e, conforme pesquisas realizadas pela IEA (Agência Internacional de Energia), caso se mantenha o ritmo de consumo médio da última década, as jazidas de gás natural irão se esgotar em 100 anos. Essa fonte energética agride menos o meio ambiente que o petróleo e o carvão mineral. No entanto, por ser de origem fóssil, sua combustão contribui para o efeito de estufa.
Já o gás natural, obtido através da queima de biomassa, é um combustível renovável, sua utilização é menos impactante e os custos econômicos são menores.
As tubulações responsáveis pelo envio de gás natural das fontes produtoras até os consumidores recebem o nome de gasoduto. O Brasil possui o gasoduto Bolívia – Brasil. São tubulações de diâmetro elevado, operando em alta pressão que transportam gás natural da Bolívia (produtor) para alguns Estados brasileiros (consumidores).

GASODUTO
Depois de tratado e processado, o gás natural pode ser utilizado nas indústrias, residências, automóveis e comércio. Nas indústrias, sua utilização ocorre, principalmente, para a geração de eletricidade. Nas residências, o gás natural é usado para o aquecimento ambiental e de água. Nos automóveis, essa fonte energética substitui os combustíveis (gasolina, álcool e diesel). No comércio, sua utilização se dá principalmente para o aquecimento ambiental. Atualmente a utilização do gás natural corresponde a 18% do consumo energético mundial.

No Brasil, com a descoberta da camada pré-sal, que consiste em um óleo em camadas profundas - de 5 a 7 mil metros abaixo do nível do mar, estimativas apontam que o país irá dobrar seu volume de gás natural.

domingo, 5 de setembro de 2010

CURIOSIDADES

POSTADO POR ERMINIO

- Em caso de vazamento, o gás natural é facilmente percebido devido ao seu forte cheiro artificial (mesmo odor do gás de cozinha).

- O gás natural não pega fogo com facilidade. Ele precisa de alta temperatura para que entre em combustão. É importante lembrar que ele é mais leve que o ar, sendo então mais seguro que o GLP (gás de cozinha) que, por ser mais pesado que o ar, acumula-se no solo, onde pode gerar acidentes.

- Em caso de vazamento com chama, não se deve tentar extinguir a chama. A chama evita o acúmulo excessivo de gás, que poderia causar uma explosão.

- É possível saber a exata localização dos gasodutos. Nossa rede está sinalizada através de placas, balizas, adesivos em postes, tachas no asfalto e passeio.

- A principal causa de acidentes nas redes de gás é a falta de cuidado de terceiros ao realizarem serviços, obras ou escavações perto da rede de gás.

- A rede de distribuição é feita de aços especiais, dotados de grande resistência e durabilidade. Para a fabricação dos tubos é feita uma inspeção através de um rigoroso controle de qualidade. Além disso, há um sistema de prevenção contra a corrosão do aço e um sistema de válvulas que controla a pressão e o fechamento em caso de vazamento de gás.

- Que o Gás Natural é reconhecidamente muito mais seguro que os demais combustíveis. Sendo mais leve que o ar, em caso de vazamentos, o gás se dissipa rapidamente na atmosfera, diminuindo o risco de explosões e incêndios. Além disso, para que o gás natural se inflame, é preciso que seja submetido a uma temperatura superior a 620 graus centígrados (o álcool se inflama a 200ºC e a gasolina a 300ºC).

- Que o abastecimento do veículo é feito sem que o produto entre em contato com o ar, evitando-se assim qualquer possibilidade de combustão.

- Que os cilindros e demais componentes do kit de conversão carregados no veículo são projetados para suportar a alta pressão em que o gás é armazenado. Estes cilindros são capazes de resistir a choques, colisões e até mesmo ao impacto de projéteis de armas de fogo.

domingo, 29 de agosto de 2010

ENERGIA DE ORIGEM FÓSSIL

POSTADO POR BRUNA

O gás natural é uma energia de origem fóssil que se encontra no subsolo e procede da decomposição de matéria orgânica retirada entre as camadas rochosas.

Sua origem fóssil provém da decomposição vegetal e animal há milhares de anos. Este processo de erosão levou remanescentes biológicos por meio de rios e riachos em direção às costas, onde foram depositados com lama e sedimentos. Através do tempo foram cobertos por mais e mais sedimentos e, gradualmente, comprimidos pelo

peso das camadas dos mesmos.
Com a evolução, o material que continha, originalmente, remanescentes biológicos, tornou-se rocha sedimentar. Hoje, essas rochas sedimentares, arenitos, xistos e dolomita são os locais onde geralmente são encontrados os depósitos de petróleo e gás natural. Muitas vezes, eles ficam retidos entre as camadas de rocha que foram formadas sobre as rochas sedimentares que as produziram.

Como o gás natural é o combustível fóssil de queima mais limpa. Ajudam na manutenção da qualidade do ar e da água, especialmente quando usado em substituição a outras fontes de energia mais poluentes. O gás natural é um produto incolor e inodoro, não tóxico e mais leve que o ar.


Uma vez extraído do subsolo, deve ser transportado às zonas de consumo, que podem estar próximo ou a quilômetros de distância. O transporte de suas jazidas até as áreas de consumo se realiza por meio de tubos de aço de grande diâmetro, chamados de gasodutos.

Composição Química

POSTADO POR VERENA

O gás natural é uma mistura de hidrocarbonetos, sendo o gás metano o de maior proporção.
Esta composição é a razão de sua ampla aceitação como um dos combustíveis mais limpos que existe: sua composição produz menos dióxido de carbono (CO2) que outras fontes energéticas e contribui, significativamente, para a diminuição do efeito estufa. A emissão de óxido de nitrogênio (NO2) é considerado menor e, praticamente nulas, as emissões de dióxido de enxofre (SO2), partículas e compostos orgânicos.
Veja a tabela abaixo:






OUTRAS INFORMAÇÕES

A composição do gás natural pode variar muito, dependendo de fatores relativos ao reservatório, processo de produção, condicionamento, processamento e transporte. De uma maneira geral, o gás natural apresenta teor de metano superiores a 70% de sua composição, densidade menor que 1 (mais leve que o ar) e poder calorífico superior entre 8.000 e 10.000 kcal / m3, depedendo dos teores de pesados (Etano e propano principalmente) e inertes (Nitrogênio e gás carbônico). No Brasil a composição do gás para comercialização é determinada pela Portaria de Número 104 de 8 de julho de 2002 da Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Na região Sudeste do Brasil o gás natural comercializado deve estar de acordo com as sequintes especificações:

- Poder Calorifico Superior - 9,72 a 11,67 kWh/m³

- Índice de Wobbe - 46500 a 52.500 KJ/m³

- Metano mínimo - 86,0 %Vol

- Etano Máximo - 10,0 %Vol

- Propano Máximo - 3,0 %Vol

- C4+ Máximo - 1,5 %Vol

- Oxigênio Máximo - 0,5 %Vol

- Inertes Máximo (N2 + CO2) - 4,0 %Vol

- Nitrogênio Máximo - 2,0%

- Enxofre total - 70 mg/m³

- H²S Máximo - 10 mg/m³

- Ponto de orvalho máximo - -45 °C (1 ATM)

Riqueza

Conjunto de componentes do gás natural mais pesados que o etano (Fração C3+). Se o teor de pesados for superior a 8,0% o gás é considerado rico, se for menor que 6,0% o gás é considerado pobre, se o teor estiver entre 6,0 e 8,0% o gás é considerdo de riqueza mediana. A riqueza é um parâmetro importante na seleção da via tecnologica a ser utilizada no processamento do gás.

Curioso :

Outro diferencial do gás natural é a baixíssima emissão de dióxido de enxofre e de resíduos do processo de combustão presentes na fumaça.

Acompanhando a tendência mundial de aproveitamento de combustíveis mais limpos, investimos na expansão da rede de distribuição e em novas tecnologias que estimulem a oferta e o consumo de gás natural.

Versátil, o gás natural pode ser utilizado em aplicações domésticas, industriais e automotivas, substituindo a gasolina, o etanol, o óleo diesel e como fonte de geração de energia elétrica.